Lêda Borges é contra a flexibilização da lei de licenciamento ambiental

Durante a discussão de matérias, a deputada Lêda Borges (PSDB) se manifestou contrária ao projeto de nº 1758/20, de autoria do Governo, que visa agilizar a concessão de licenças ambientais no estado.

Para Lêda, este não é o momento de flexibilizar, ainda mais a lei de licenciamento ambiental.

“O Governo atual já flexibilizou essa legislação, e acredito que outros tipos de produção devem ser incentivadas. Até o Ministério Público tende a achar que essa decisão é temerária, segundo veiculado na mídia hoje. E, apesar das emendas, não sou favorável ao corte de servidores efetivos”, assinalou.