AD

Paraná decide implementar plataforma da Fieg que Caiado desprezou

Apresentado quinta-feira (15/04) ao governo do Paraná, por meio de videoconferência, o plano estratégico Retomada Responsável dos Negócios, desenvolvido pela Federação das Indústrias do Estado de Goiás (Fieg) e pelo Instituto Euvaldo Lodi (IEL), com ajuda da Fecomércio, será implementado naquele Estado para balizar, a partir da próxima semana, o retorno das atividades produtivas dos diversos segmentos da economia, interrompidas para conter o avanço da Covid-19.

A adesão foi confirmada pelo governador Ratinho Júnior, segundo o presidente da Fieg, Sandro Mabel. “Hoje é um dia de comemoração e nós esperamos que outros governos, inclusive do Estado de Goiás, possam usar esta plataforma porque ela dará segurança para a retomada das atividades econômicas, porém com muita segurança para a saúde de toda a população”, disse.

Apresentado quinta-feira (15/04) ao governo do Paraná, por meio de videoconferência, o plano estratégico Retomada Responsável dos Negócios, desenvolvido pela Federação das Indústrias do Estado de Goiás (Fieg) e pelo Instituto Euvaldo Lodi (IEL), com ajuda da Fecomércio, será implementado naquele Estado para balizar, a partir da próxima semana, o retorno das atividades produtivas dos diversos segmentos da economia, interrompidas para conter o avanço da Covid-19.A adesão foi confirmada pelo governador Ratinho Júnior, segundo o presidente da Fieg, Sandro Mabel. “Hoje é um dia de comemoração e nós esperamos que outros governos, inclusive do Estado de Goiás, possam usar esta plataforma porque ela dará segurança para a retomada das atividades econômicas, porém com muita segurança para a saúde de toda a população”, disse.