Lêda Borges cobra repasse de recursos aos municípios goianos durante o período de pandemia

A deputada Lêda Borges (PSDB) cobrou nesta quarta-feira (6) que o governo de Goiás libere as emendas parlamentares de 2020 para contemplar a área da Saúde.

“É necessário que os municípios goianos tenham recursos nesse período de pandemia, para a compra de equipamentos e insumos para rede pública de saúde. E as nossas emendas dessa área podem ajudar a melhorar os serviços e diminuir as dificuldades financeiras enfrentadas pelas cidades goianas. Por isso, peço aos colegas parlamentares para que a gente some esforços na articulação do Legislativo e cobre do governador Ronaldo Caiado (DEM) a liberação imediata, assim que os recursos para o combate ao coronavírus entrarem nos cofres públicos do Estado”, destacou.

A deputada também solicitou urgência na votação de dois projetos de lei que tramitam na Casa. Um deles é o que trata da redução proporcional das mensalidades da rede privada de ensino durante o plano de contingência, por causa do novo coronavírus em Goiás. Já a outra matéria, reivindica a suspensão da cobrança da alíquota previdenciária de 14,25% na folha de pagamento dos servidores estaduais ativos, inativos e pensionistas.