Fórum Empresarial pressiona Caiado: “Abertura das atividades já”

Em nota assinada pelos oito presidentes das entidades classistas, o Fórum das Entidades Empresariais de Goiás divulgou nota oficial nesta quinta-feira (7) para pressionar o governador Ronaldo Caiado e reivindicar maior abertura das atividades econômicas no Estado.

“A Região Centro-Oeste representa 3% dos casos confirmados de contaminação pela Covid-19 em todo o Brasil, o que nos permite dizer que os empresários foram extremamente respeitosos com as medidas do Governo e já é tempo de flexibilizar as medidas de suspensão das atividades empresariais”, assinala o Fórum.

As entidades ressaltam que têm acompanhado as medidas adotadas pelos governos estadual e municipais. “Entendemos que o momento exige o comprometimento de toda sociedade, com adoção de medidas de prevenção, proteção e respeito às determinações das autoridades sanitárias, inclusive para evitar a contaminação e a propagação do novo coronavírus”.

“O Forum sempre apoiou as medidas do governo de Goiás e sempre defendeu, como continua defendendo, a flexibilização da suspensão para atividades essenciais e o retorno gradual das atividades econômicas de forma segura, tendo como contrapartida o compromisso do setor produtivo em seguir as recomendações emanadas dos protocolos concernentes a cada atividade e a orientação de todos os agentes envolvidos nesta retomada”, sublinha.

O Forum ressalta que colabora com o governo estadual desde o primeiro decreto do governador Ronaldo Caiado, em 13 de março de 2020, com as determinações para o isolamento social e enfrentamento da crise, fazendo “ampla divulgação” das medidas de prevenção e das exigências das autoridades sanitárias. “Empresário consciente e governo justo é a medida equitativa para retomada dos negócios em Goiás. Abertura das atividades empresariais já! Não podemos mais debitar a conta da pandemia exclusivamente na classe empresarial!”, conclui a nota.