Acabou a lua de mel entre PM e Caiado: cresce insatisfação entre policiais contra o governador

Todo o contingente da Polícia Militar e seus agregados foram essenciais para a eleição de Ronaldo Caiado. Com a ascensão da direita e o discurso moralista e radical de Caiado, a PM goiana o abraçou e votou em massa no candidato do DM. Caiado fez milhares de promessas aos homens da Polícia Militar, que acreditaram em todas. Um ano e meio de mandato correndo e a situação já mudou. A lua de mel acabou.

Os cortes de benefícios e a demora em efetivas as promoções são alguns dos motivos para o rompimento. O deputado estadual Major Araújo, por exemplo, que foi grande cabo eleitoral caiadista, hoje é o maior oposicionista ao governo.

Outro exemplo: praças e oficiais promovidos no papel no ano passado até hoje não receberam seus novos salários. Ou seja, a promoção caiadista foi só para inglês ver; reconhecimento salarial que é bom, NADA!