Caiado, o governador que está quebrando Goiás

Em um ano e meio do governo Caiado, o rombo nas contas do estado aumentou para R$ 5 bilhões, patamar que foi alcançado com o calote na dívida com os bancos federais.

As indústrias estão indo embora tirando empregos do mercado local, como foi o caso da Creme Mel, que se transferiu para o Pernambuco e deixou de gerar mil postos de trabalho em Goiás.

Para completar o efeito Caiado, a falta de um plano de reabertura do comércio está provocando a quebradeira geral.