Silêncio e informações desencontradas marcam governo Caiado no episódio de Rodney

O governador Caiado foi engolido por uma hiato de silêncio e infornações desencontradas no episódio da saída  de Rodney Miranda da secretaria de Segurança Pública, em meio à repercussão do áudio-bomba de Jorge Caiado, o Jorjão.

Depois de afastar o secretário de Segurança e nomear um interino para o cargo, Caiado recuou e agora surgiu a estranhíssima versão de que Rodney saiu de férias por 15 dias.

O silêncio de Caiado, sempre falante quando casos de corrupção vêm à tona, indica um mutismo ao mesmo tempo comprometedor e surpreendente.

Duas peguntas são feitas nesta segunda-feira (8) nos meios polítcos:

  1. Caiado afinou para Rodney?
  2. O que Rodney sabe que tanto intimida Caiado a recuar da demissão depois das denúncias de grampo e corrupção?