No dia da reabertura, Goiás ocupa o penúltimo lugar no ranking de isolamento social

Prevista em decreto, a retomada de vários setores da economia, inclusive bares e restaurantes, levou Goiás à penúltima colocação no ranking de isolamento social do País. Segundo a In Loco, na terça-feira (14/7) o índice do Estado foi de 38,3%, ficando atrás somente do Tocantins (36,24%). A média nacional foi de 40,9%. Os dados são atualizados diariamente, baseados na localização de celulares.
O ranking aponta que já há algumas semanas Goiás tem ficado entre os estados com o menor índice de isolamento social. A última vez que figurou na penúltima posição foi há exatamente uma semana: na quarta-feira (8/7), a média foi de 37,04%. De lá pra cá, houve sensível melhora em alguns dias. Em 12 de julho, domingo, o Estado chegou a ficar na 17ª posição, com índice de 47,49%.
Ainda segundo a In Loco, o Estado já chegou a liderar o ranking nacional, com índice de 60,6% em 22 de março, logo após o primeiro decreto do governo do Estado determinando regime de quarentena em virtude da pandemia. Depois disso, o gráfico mostra redução. O isolamento, segundo as autoridades de saúde, segue como uma das principais medidas para conter o avanço do novo coronavírus.