Goiás fica em 9º lugar no ranking nacional de armas registradas por cidadãos comuns

Levantamento feito pelo O Globo revela que Goiás é o 9º estado no ranking nacional de número de armas registradas por cidadãos, servidores (há profissões do setor público que dão direito à requisição) e caçadores de subsistência, a cada 100 mil habitantes. O Estado tem uma média de 400,6 armas ativas por 100 mil habitantes, enquanto a média nacional é de 242,9 armas a cada 100 mil habitantes. São 28.116 armas registradas na Polícia Federal.

s medidas que flexibilizaram o acesso às armas de fogo levaram a um aumento de 601%, em dez anos, na quantidade de novos armamentos em poder de cidadãos comuns em todo o país. O crescimento dos novos registros ocorreu em 26 unidades da Federação, com queda apenas no Amazonas.

Existem hoje 1,1 milhão de armas registradas no sistema da PF, das quais 550 mil são de cidadãos. Há ainda 341 mil com órgãos públicos, como a própria PF e polícias civis — o restante é de responsabilidade de empresas de segurança privada, entre outros. O armamento das Forças Armadas e das polícias militares é cadastrado em outro sistema, sob gestão do Exército.