AD

Contas reprovadas: TCE-GO divulga listão de nomes de gestores inelegíveis

Um total de 21 nomes, entre ex-autoridades e servidores públicos estaduais integram a lista de responsáveis com contas julgadas irregulares pelo Tribunal de Contas do Estado de Goiás.

A lista é composta pelos nomes dos responsáveis que tiveram suas contas rejeitadas por irregularidade insanável em decisão irrecorrível no TCE-GO. Ela contém os nomes das pessoas físicas, detentoras ou não de função pública, que tiveram suas contas rejeitadas no TCE-GO por irregularidade insanável, em decisão transitada em julgado nos oito anos imediatamente anteriores à realização de cada eleição.

Não constam no documento os nomes dos responsáveis cujas contas irregulares ainda estão sob apreciação do Tribunal. A lista pode ser alterada a qualquer tempo, com acréscimos ou supressões.

Atendendo ao que dispõe o artigo 11, parágrafo 5º da Lei Eleitoral (Lei nº 9.504 de 30/09/1997), a relação é remetida à Justiça Eleitoral, a quem cabe, a seu juízo, declarar se essas pessoas podem ou não concorrer a cargos por eleição.

Veja os nomes:

Aristóteles de Paula e Sousa Sobrinho

Carlos Alberto Mariano

César Augusto Sebba

Danivaldo Frutuoso Franco

Emílio Carlo de Paiva de Paula

Emilse Terezinha Naves

Fábio Silva Gomes

Francisco Romeu Carvalho

Hideraldo Jorge Santana Martins

Irani Ribeiro de Moura

Iranildo Rodrigues Valença

Isa Bernadete Braga

José Américo de Sousa

Levinda Passos

Luiz Antônio Arantes

Marcus Vinicius de Faria Felipe

Pedro Chaves Canedo

Pedro Luiz Cascalho

Roberto Moraes Jayme

Sérgio Camilo Câmara

Vantuir Alves de Oliveira