Luto na Igreja progressista da América Latina: morre aos 92 anos Dom Pedro Casaldáliga

Após uma longa internação, morreu na manhã deste sábado (8), Dom Pedro Casaldáliga. Ele tinha 92 anos e estava internado em um hospital de Batatais (SP) com insuficiência respiratória.

Dom Pedro era bispo emérito da Prelazia de São Félix do Araguaia, no Mato Grosso, e missionário claretiano.

Espanhol de nascimento, o religioso foi o principal nome da Igreja progressista no Brasil. Ele combateu de frente a ditadura militar e se notabilizou como defensor da Teologia da Libertação, que ganhou expressão na Igreja Católica latino-americana nos anos 70.

Em comunicado conjunto, a Prelazia de São Félix do Araguaia (Mato Grosso, Brasil), a Congregação dos Missionários Filhos do Imaculado Coração de Maria (Claretianos) e a Ordem de Santo Agostinho (Agostinianos) comunicaram o falecimento de Dom Pedro Casaldáliga.