Aparecida registra mais de 1,7 mil novos empreendimentos em três meses de pandemia

Mesmo com a pandemia, Aparecida de Goiânia encerrou o 2° trimestre de 2020 com crescimento recorde na abertura de empresas do tipo microempreendedor individual (MEI). A gestão do município destaca que entre abril e junho a cidade teve mais 1.707 pequenos negócios formalizados, uma alta de 6,55% em relação ao 1º trimestre.

Com isso, o período de 2020 fechou como o melhor resultado alcançado referente aos meses de abril a junho dos últimos três anos.Os dados são do Portal do Empreendedor, mantido pelo governo federal.

O site aponta que Aparecida já havia expandido sua base de microempreendedores individuais no 2º trimestre de 2019 (6,28%) e 2018 (5,12%). Mas o município superou os dois índices neste ano, e contrariando o cenário de incerteza provocado pela pandemia de covid-19.

Para o secretário da Fazenda de Aparecida, André Luis Rosa, a criação de novos MEIs, neste momento de pandemia, é impulsionada pela atitude das pessoas em buscar alternativas para superar o desemprego e a consequente queda na renda familiar. “Isso criou uma perspectiva de geração de renda a essa população de novos microempreendedores individuais”, salienta o secretário da Fazenda.

Fomento ao empreendedorismo

Além dos MEIs, o panorama da abertura de empresas em geral em Goiás neste 2º trimestre também coloca Aparecida em evidência. Segundo a Junta Comercial do Estado de Goiás (Juceg), Aparecida foi escolhida como cidade-sede por 5,03% das 5.226 novas empresas abertas em Goiás de abril a junho deste ano.

Na avaliação do diretor de Fomento ao Empreendedorismo da Casa do Empreendedor de Aparecida, Abel Brito, a escolha dos novos empresários por Aparecida se dá, em larga medida, pelo suporte oferecido na cidade ao segmento empresarial.

“E nós temos a Casa do Empreendedor, que dá suporte ao microempreendedor da nossa cidade, e que tem trabalhado a todo vapor, mesmo durante a pandemia, com orientações, palestras e cursos online em parceria com o Sebrae”, cita Abel Brito. Ele acredita que esse trabalho tem impactado diretamente no aumento dos índices de formalização de novos MEIs.

O atendimento presencial na Casa do Empreendedor de Aparecida é feito de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h30, na Avenida Independência, quadra 02, lote 03, setor Cidade Livre.