Aliança: Vanderlan assume boa parte do programa de governo de Wilder para Goiânia

O acordo para Wilder Morais ser vice de Vanderlan só saiu porque o empresário do PSD aceitou assumir boa parte do programa de governo que Wilder já havia montado para Goiânia. Chamado de “Goiânia que Queremos”, o plano de Wilder apresenta subprefeituras, requalificação da região Central e o projeto Cidade Cultural. Vanderlan fez compromisso de manter esse eixo e apresentar as propostas de Wilder.

Os três partidos; PSC, Avante e PMN, também migram para a chapa com Vanderlan.