Na Record TV, Samuel diz que no primeiro dia de governo vai preparar Goiânia para vacinação

“A partir de janeiro vou procurar seringas para vacinação em massa da população de Goiânia. Nós temos hoje, a produção da vacina em larga escala por muitos países, e não se pensa ainda em compra de insumos, ou seringas. A nossa prioridade é vacinar a população da nossa cidade”, enfatiza Samuel Almeida (PROS), entrevistado desta segunda-feira (19/10), do Goiás Record. O candidato destacou ainda que é importante na área da saúde, pensar em resolver a questão das cirurgias eletivas, que estão paralisadas desde o início da pandemia.

Preocupado, ainda, com a retomada da economia, Samuel destaca soluções para fomentar as vocações que Goiânia tem nos setores moveleiro, têxtil e as específicas de cada bairro. “Com o Vale Creche, no valor de R$ 300 estamos pensando em duas situações, a primeira da vaga para as crianças, e a segunda, a possibilidade de novos empregos que serão gerados através dessas creches. Estamos pensando junto com nossos especialistas no desenvolvimento dos bairros, fomentando através de parceiras com as universidades as vocações de cada um”, destaca.

O candidato cita como exemplo a necessidade de atrair uma indústria têxtil limpa para Goiânia. “O Brasil é o quarto produtor mundial de algodão, e Goiás está entre os cinco primeiros do País. A gente vende algodão para outros estados e compra tecido, temos que investir na vocação do município”, completa Samuel.