Juíza proíbe adversários de usar áudio em que Vanderlan defende senador da cueca

A juíza Liliana Bittencourt, da 2ª Zona Eleitoral de Goiânia, proibiu a veiculação do áudio de Vanderlan Cardoso (PSD) em defesa de Chico Rodrigues (DEM), o senador flagrado com dinheiro na cueca e entre as nádegas, na campanha à Prefeitura da capital goiana. Vanderlan é candidato. Na decisão, a juíza fala em “potencial ofensivo no desequilíbrio entre os candidatos”.

A defesa do candidato Maguito Vilela (MDB), que está internado com Covid-19, vai recorrer da decisão. O MDB usou em sua propaganda eleitoral trecho do áudio no qual Vanderlan disse não ter “nada que desabone” Chico, seu amigo há mais de 30 anos.