Em nota deputada Lêda Borges rebate prefeito Pábio Mossoró

NOTA OFICIAL

Tomei conhecimento de entrevista concedida pelo prefeito de Valparaíso de Goiás a blogs, em que fala mais da minha pessoa, do que da cidade e do próximo mandato, que é o que realmente importa.

Quando alega sobre minha interferência no seu governo ele falta com a verdade. Todos os secretários, diretores escolares, diretores de unidades de saúde, equipe de licitação, de contratos, dentre os outros tantos cargos, não foram indicados por mim, nem tampouco sugeridos.

Sobre ajuda política, o prefeito está mais uma vez esquecido. Quando adentrou às fileiras do partido, o PSDB o elegeu duas vezes vereador e uma vez prefeito, pois não era de família que tinha qualquer mandato eletivo. Antes disso, o prefeito apoiou, aliás, seu pai, que era comerciante, apoiou o ex vereador falecido Willian Barreiros quando me elegi vereadora em 2000. Portanto, mais uma vez demonstra sua memória fraca.

Me parece que o prefeito tenta buscar tomar uma liderança construída com muito trabalho e honradez ao longo de muitos anos, ao invés de administrar bem a cidade e construir sua própria história.

A verdade é que o prefeito não entregou até hoje, em 4 anos de mandato, nenhuma obra iniciada e concluída na sua primeira gestão, a não ser concluir aquelas captadas no meu mandato de prefeita, como CEMEI’s, Banco de Alimentos, bem como revitalizar equipamentos públicos construídos e entregues por mim, e fica na tentativa de macular a imagem de quem tem trabalho e obras em toda a cidade.

Dentre as mentiras ditas pelo prefeito na entrevista, especialmente quando se trata de emendas parlamentares, esclareço a população que nós, os (as) deputados (as) estaduais, só tivemos direito a emendas parlamentes impositivas a partir do ano passado e em valores bem inferiores ao valor que os (as) deputados (as) federais podem destinar aos municípios.

Mesmo assim, a maior parcela dos valores a que tive direito até hoje de destinar foram para Valparaíso de Goiás, mesmo eu tendo sido votada em mais de 180 municípios goianos.

O prefeito se esqueceu ainda que no meu primeiro mandato de deputada, como as emendas não eram impositivas, mas ajudávamos a governar o Estado, nos primeiros anos de seu governo, levamos para Valparaíso obras importantíssimas a exemplo dos 3 colégios estaduais, inclusive sendo um de tempo integral, a única central de libras da região, a ROTAM, triplicamos a quantidade de famílias no programa Renda Cidadã, implantamos o Programa Jovem Cidadão, viabilizamos junto a SANEAGO a construção de 2 reservatórios de água de 1 milhão de litros cada, localizados no Céu Azul, viabilizamos todo ano o programa Governo Junto de Você e o programa Ação Cidadã, viabilizamos o programa de habitação de 1080 unidades que até hoje estão sendo entregues com subsídios do governo estadual, bem como viabilizamos recuperação asfáltica para o Céu Azul, dentre outras ações. Essas foram as intervenções que fiz em seu governo.

Aguardo ansiosamente que o prefeito execute os valores que já estão nos cofres da Prefeitura e os que serão destinados este ano para ano que vem.

O prefeito diz também, na entrevista que concedeu, que sou oposição ao Governo do Estado: o que é verdade. Mas sou uma opositora respeitada, por minha postura republicana e minhas contribuições no Parlamento Estadual para aprimorar, inclusive, matérias enviadas pelo senhor governador.

Não me alio a quem quer que seja por interesses pessoais ou momentâneos. Nem para ganhar eleição a qualquer custo.

O prefeito tem razão quando diz que a população o escolheu para ficar na Prefeitura e eu na Assembleia. Respeito a vontade das urnas e continuo trabalhando, como sempre fiz. Recomendo que ele, ao menos agora, reeleito, faça o mesmo: desça do palanque e trabalhe.

Lêda Borges
Deputada Estadual