Goiânia: vereadores arquivam projeto que previa aumento dos próprios salários

Vereadores solicitaram nesta terça-feira (22) o arquivamento do projeto de lei que previa aumentos dos vencimentos próprios, do prefeito, vice-prefeito e secretários municipais de Goiânia. O pedido de arquivamento contou com assinatura de todos os parlamentares presentes na sessão. A proposta, de autoria do vereador Milton Mercês (Patriota), prevê equiparação do salário do prefeito ao dos deputados federais e dos vereadores a 75% dos parlamentares federais.

Assim, o salário do prefeito sairia dos atuais R$ 27 mil para R$ 33,7 mil, aumento de 39,4%. E dos vereadores saltariam de R$ 15,6 mil para R$ 18,9 mil, reajuste de 21,4%. O vice-prefeito receberia o equivalente ao dos vereadores.