Exame: CVM investiga fundador da Hypermarcas, João Alves de Queiroz Filho

O fundador do grupo Hypermarcas, João Alves de Queiroz Filho, está sob investigação na Comissão de Valores Imobiliários (CVM). João Alves é suspeito de comprar ações do Hypermarcas pouco antes de o grupo divulgar informações importantes ao mercado em 2012, o que é contra a lei das sociedades anônimas.

A informação foi publicada pelo portal da revista Exame. O processo para investigar o milionário teria sido aberto em 14 de janeiro de 2013.