Definitivo: Nando perde poder no Grupo Jaime Câmara e já não manda no jornalismo televisivo

Discretamente, o novo presidente do Grupo Jaime Câmara, Cristiano Roriz Câmara, vem introduzindo mudanças no jornalismo dos diversos veículos de comunicação da empresa.

O antigo e todopoderoso diretor de jornalismo do GJC, Luiz Fernando Rocha Lima, é quem mais está perdendo espaço com as mudanças.

Conhecido como Nando, ele recebeu novas funções, mais restritas, agora exclusivamente como diretor editorial do jornal O Popular.

A Televisão Anhanguera, que retransmite a programação da Rede Globo em Goiás, saiu da esfera de coordenação de Luiz Fernando Rocha Lima. Seu diretor editorial, agora, é o jornalista Orlando Loureiro, que veio do Rio de Janeiro, já há um bom tempo, com a missão de reformular o jornalismo da TV Anhanguera – tarefa que, diga-se de passagem, vem se constituindo em um enorme desafio para ele, já que há programas noticiosos concorrentes faturando a liderança de audiência em seus respectivos horários.

O Jornal Anhanguera 1ª Edição, por exemplo, não consegue superar o tradicional Jornal do Meio Dia, no SBT, comandado pelo apresentador Jordevá Rosa, que é o campeão absoluto no horário do almoço há mais de ano.

As mudanças na chefia do jornalismo do Grupo Jaime Câmara já estão explicitadas no expediente de O Popular, onde Nando agora é diretor editorial, e nos caracteres que são exibidos ao final de cada programa de notícias na TV Anhanguera, de onde o nome de Nando desapareceu, substituído pelo de Orlando Loureiro como diretor editorial (veja a foto).