Deu no Jornal Opção: “Djalma Araújo compara Clécio Alves ao nazista Adolf Hitler”

Leia nota do Jornal Opção:

Djalma Araújo compara Clécio Alves ao nazista Hitler

Discussão começou quando presidente da Câmara Municipal disse dispensar elogios vindos do vereador recém-filiado ao partido Solidariedade

A rivalidade entre os vereadores Djalma Araújo (Solidariedade) e o presidente da Câmara Municipal de Goiânia, Clécio Alves (PMDB), parece estar longe do fim. A sessão plenária de quarta-feira, 30, mais uma vez foi recheada de polêmica protagonizada por ambos.

Ao discursar, Djalma disse que elogiaria Clécio se este, na condição de presidente do Legislativo da capital, o apoiasse em um projeto que gratificasse os guardas municipais que trabalham no Parlamento do município. Entretanto, o peemedebista foi taxativo em sua resposta: “Dispenso qualquer elogio vindo de vossa excelência.”

Não satisfeito com a resposta desconcertante, minutos depois, Djalma Araújo voltou à tribuna e aproveitou para alfinetar o desafeto: “Na década de 30, Getúlio Vargas elogiou o maior nazista do mundo, Adolf Hitler. E, hoje, tem gente que não quer ser elogiado. A sociedade cria monstros que não querem elogios”.

Clécio interrompeu a fala de Djalma e ameaçou cortar o som do microfone. “Se o sr. não se ater à discussão do projeto, serei obrigado a cortar o seu microfone”, gritou Clécio.

Enquanto os vereadores trocam farpas em toda sessão plenária, a Câmara Municipal atravessa pela sua pior crise de credibilidade na sociedade goianiense. Os vereadores sérios suspiram todos os dias: “Ah, que saudade do Francisco Júnior!”.