Dilma tem raciocínio confuso e fala desconexa. Igualzinho ao deputado Francisco Gedda

Dilma Rousseff tem muita semelhança com um político goiano. Quem? Ninguém acertaria a resposta de pronto, mas é só lembrar que ela tem o raciocínio confuso e se expressa com frases desconexas, construídas com um português claudicante e absolutamente fora do centro.

Ficou mais fácil? Claro. O político goiano que, a exemplo de Dilma, tem uma tremenda dificuldade para se manifestar de maneira clara é José Gedda (pronuncia-se com e fechado e não com e aberto, como repete sempre).

Nesta quarta-feira, Dilma mais uma vez deu uma de Gedda e andou falando besteiras sobre a inflação: “Não concordo com medidas de combate a inflação que olhem a questão da redução do crescimento econômico”.

Êpa. Zebra. O mercado pegou fogo. Então o combate à inflação não é mais prioridade? É, sim, em qualquer país do mundo. Pelo menos os países sérios. Dilma, imediatamente, teve de voltar atrás. Ao ver o desastre, tentou consertar o estrago: “O combate à inflação é um valor em si mesmo”.

Talvez nem mesmo Gedda fosse tão longe.