Afonso Lopes: “Bancada oposicionista de deputados experientes prometia agitar a Assembleia, mas acabou em fiasco”

O calejado comentarista político Afonso Lopes, em artigo no seu blog, faz uma avaliação do primeiro mês de funcionamento da Assembleia Legislativa e conclui que a atuação da bancada oposicionista, formado por deputados veteranos, não passou de um grande fiasco.

“A experiente bancada de opositores na Assembleia Legislativa prometia balançar o coreto governista, mas não foi além da banda de música”, escreve Afonso Lopes.

Em pouco mais de um mês de atividades parlamentares, a oposição não conseguiu gerar nada, nem mesmo um debate mais empolgante no plenário da Assembleia. O jornalista chama de “silêncio eloquente” a falta de ruído dos deputados oposicionistas. Parlamentares escolados como José Nelto, Adib Elias, Luis Cesar Bueno ou Ernesto Roller, apesar da expectativa inicial, tiveram uma performance apagada.

Afonso Lopes tem uma justificativa para o fracasso da oposição: a reforma administrativa do governador Marconi Perillo, que foi radical e enxugou drasticamente a máquina do Governo, deixando a turma do contra sem argumento. “A única saída dos oposicionistas”, conclui o jornalista, “foi se calar para não ter que elogiar”.

[vejatambem artigos=” 44375,44604,43922,44317… “]