Em 2 meses, desde 1º de fevereiro, deputados estaduais fizeram só 17 sessões e aumentaram seus salários e mordomias

A Assembleia Legislativa continua dando mau exemplo para a sociedade.

Veja essa, leitor: desde 1º de fevereiro, ou seja, há dois meses, os nossos nobres deputados estaduais promoveram apenas 17 sessões , totalizando ridículas 51 horas de trabalho parlamentar.

Nesta semana, por exemplo, sob a desculpa da Páscoa cristã, a Assembleia realizou apenas uma sessão, na terça-feira, enquanto, para a maioria dos trabalhadores goianos, o feriado da Semana Santa é só na sexta-feira.

O pior é que, nesses poucos dias de atividade, os deputados estaduais não deram nenhuma contribuição para a sociedade. Nenhum projeto. Nenhuma ideia. Nenhuma novidade. Nada, enfim.

Mas, em benefício próprio, trabalharam duro: aprovaram um aumento para os próprios salários e para as suas mordomias pessoais, como a verba indenizatória e o auxílio moradia até para quem mora na própria casa.

A turma é mesmo da pesada.

[vejatambem artigos=” 44644,44998,44994,44642… “]