Em artigo no jornal O Popular, Francisco Júnior volta a criticar gestão de Iris Rezende: “saúde municipal está em estado grave”

Em artigo no jornal O Popular, o deputado estadual Francisco Júnior (PSD) analisa a mais recente e grave crise na saúde municipal de Goiânia. A prefeitura de Goiânia oferece novo contrato para os médicos temporários, mas a categoria se recusa a firmar compromisso trabalhista diante do que é apresentado.

Francisco Júnior lembra que na campanha do ano passado uma pesquisa mostrou que a saúde era considerada por 67% dos goianienses como o principal problema da Capital. “Três meses após assumir, a atual administração já demonstra falta de compromisso não apenas com as propostas de campanha, mas com as necessidades mais primárias da população goianiense”, critica o parlamentar.

Para o deputado, a mudança repentina no contrato dos médicos atesta a falta de diálogo da atual agestão no momento de tomar decisões importantes. Francisco afirma que o atendimento na rede municipal é ruim, faltam insumos básicos e agora a prefeitura ainda tem que lidar com a insatisfação da classe médica.

“A ineficiência da saúde pública municipal está se tornando crônica. O município gasta muito com o setor, mas gasta mal”, diz Francisco Júnior, ressaltando que é preciso ouvir e debater com a categoria.