Secretário diz que Daniel está “descontrolado” e voltar a desafiar deputado para debate sobre propostas para o Estado

O secretário estadual de Governo, Tayrone Di Martino, utilizou seu perfil no Twitter para responder às críticas do deputado federal Daniel Vilela (PMDB) à filiação de prefeitos peemedebistas ao PSDB e PP. Tayrone afirmou que Daniel está “descontrolado” e desafiou o deputado e debater propostas para o Estado.

Tayrone reiterou um antigo desafio feito a Daniel Vilela. “Reafirmo um desafio que já fiz anteriormente. Estou aguardando o deputado para um debate público sobre Goiás. Ele tem muito o que aprender”, disse.

Em seis postagens, Tayrone também saiu em defesa dos prefeitos e disse que as críticas de Daniel são um desrespeito à história das lideranças. De acordo com Tayrone, “se os prefeitos mudaram é porque não concordam com a política atrasada de setores do PMDB, comprovada pela reação descontrolada do deputado”, defendeu.

“O deputado [Daniel Vilela] desrespeita a história dos prefeitos, o trabalho que eles fazem em prol de seus municípios e os goianos dessas cidades”, postou Di Martino, que considerou “republicana” a gestão Marconi, sobretudo em relação à aplicação dos recursos do Programa Goiás na Frente. “Os convênios estão sendo assinados com todas as prefeituras, independentemente de partido político”, apontou.

“O governador Marconi Perillo é republicano e municipalista, governa em parceria com todos os prefeitos, inclusive com Goiânia e Aparecida (PMDB)”, afirmou em referência às dezenas de parcerias administrativas que Marconi firmou com prefeitos das maiores cidades goianas, Iris Rezende e Gustavo Mendanha, ambos do PMDB.