Jornal Opção: livro “Obrigado pelo atraso”, que mostra como funciona o mundo moderno, tem muito a ensinar a Iris

Em seu editorial desta semana, o Jornal Opção comenta o livro do renomado comentarista político norte-americano Thomas Friedman, “Obrigado pelo atraso”.

A obra é um guia de como o gestor deve se comportar no mundo moderno, que é repleto de demandas urgentes e tecnológicas.

O Jornal Opção avalia que Iris Rezende precisa compreender este cenário. Iris é um gestor competente. Isso ninguém duvida. Porém, parou no tempo. Sua estratégia, já batida, de represar recursos e aumentar impostos não é suficiente.

Leia o editorial completo