Crise no atendimento dentário: depois de 11 meses de gestão é inadmissível que a secretaria e Iris coloquem culpa na burocracia

Na reportagem exibida pelo Jornal Nacional sobre a crise do atendimento dentário em Goiânia, a secretária Fátima Mrué e o prefeito Iris Rezende culpam a burocracia pelo problema.

Pacientes estão sem atendimento desde março por falta de insumos e materiais.

Um deles foi obrigado a extrair o dente com um alicate.

A falta de respeito e o descaso são grandes.

A desculpa da Prefeitura não se justifica.

A secretária diz ser problema de burocracia, mas para adquirir um software para a central de regulação ela dispensou a licitação.

Ou seja, quando ela e Iris tiveram interesse, passaram por cima da burocracia.