Retrospectiva 2017: Marconi vira alvo do discurso de ódio de Delegado Waldir e Major Araújo nas redes sociais

2017 foi o ano em que as manifestações de ódio, intolerância e racismo explodiram nas redes sociais.

Em Goiás, não foi diferente. E, claro, o discurso de ódio chegou à política.

Os dois símbolos maiores dessa prática são os deputados Delegado Waldir e Major Araújo.

Os dois movem uma campanha sistemática contra o governador Maconi Perillo com xingamentos e discurso raso, partindo até para os ataques pessoais.

É claro que os parlamentares têm direito a livre expressão, mas o que se espera do debate político é que se mantenha um nível razoável, se foque na discussão de ideias e não descambe para a agressão gratuita e irresponsável.

Não foi isso que aconteceu.

Na busca fácil de eleitores e seguidores nas redes sociais, Delegado e Major optaram pelo caminho da ataque inconsequente.

Lamentável.