TV Anhanguera vive pior crise da sua história, diz site especializado

A TV Globo entende que a TV Anhanguera, sua afiliada em Goiás e no Tocantins, vive o pior momento da sua história, com índices de audiência que chegam a ser ridículos. Foi por esta razão que o diretor de jornalismo da emissora, Álvaro Borges, foi demitido.

O passa-fora de Álvaro já foi confirmado pela Globo, mas o nome do sucessor ainda não foi definido. A informação é do site especializado Observatório da Televisão, que deu a notícia em 1ª mão.

Borges deixa o canal em meio a uma crise de audiência generalizada. O único noticiário da casa que não tem a liderança ameaçada é o Bom dia Goiás, que concorre com um noticiário nacional na TV Serra Dourada (SBT) e com meia hora de telecultos da Igreja Universal na RecordTV.

O Jornal Anhanguera 1ª edição vive um dos seus piores momentos de toda a sua existência: quando não perde para o Jornal do Meio-Dia, do SBT, perde para o Balanço Geral, da Record, e não são raras as vezes em que o noticiário fica em terceiro lugar. O Globo Esporte só lidera aos sábados, quando concorre com um religioso na Record. A 2ª edição do Jornal Anhanguera vivia um bom momento, que acabou ontem, com a troca de programação da Record: logo no primeiro dia das mudanças, o principal telejornal da emissora empatou com o Goiás Record.