Clécio sugere que Comurg “virou palanque eleitoral” de Waguinho

O vereador Clécio Alves – filiado ao MDB do prefeito Iris Rezende – afirmou nesta terça-feira, no começo da sessão da Câmara Municipal, que a Comurg “virou palanque eleitoral de deputado e ex-presidente da companhia, que nunca fez nada pelos servidores e por Goiânia”. Referia-se, sem citar nomes, ao deputado estadual Waguinho Siqueira (MDB).

“Temos de dar cartão vermelho para diretor e para deputado que acha que Comurg é palanque eleitoral”, afirmou Clécio. Ele diz que “há um ano pisa” na companhia.

Este é mais um capítulo do processo de afastamento do vereador da base do prefeito Iris. Ele já é presidente de uma Comissão de Inquérito (CEI) que tem causado sérios desgastes à secretária municipal de Saúde, Fátima Mrué.