Ode ao puxa-saquismo: Renato Monteiro elogia patrão e ataca imprensa no Twitter

O publicitário Renato Monteiro sofreu um acesso de puxa-saquismo e emprestou o seu Twitter para declarações apaixonadas sobre o prefeito Paulo Garcia (PT). Pior foi que, para elogiar Paulo, Renato desceu a ripa em “setores da mídia que, na campanha, não quiseram debater o tema” proposto pelo PT: a panacéia da sustentabilidade, cuja cartilha Paulo rasgou antes mesmo de esquentar a cadeira no Paço Municipal.

“Dos políticos com os quais trabalhei, o prefeito é, sem dúvida, o mais comprometido com a sustentabilidade”, afirma Renato. “Existem setores da mídia que durante a campanha não quiseram debater o tema proposto por nós. Hoje estes setores tentam explorar contradições sobre uma gestão sustentável”.