Caiado abusa de promessas vazias em entrevista na rádio Interativa

Convidado desta segunda-feira na rodada de entrevistas que a rádio Interativa FM realiza com os candidatos a governador, o senador Ronaldo Caiado (DEM) abusou das promessas vazias. 

Na segurança pública, por exemplo, afirmou que montará uma força-tarefa para “acabar” com os chefões do tráfico que agem dentro das penitenciárias. Imagine, leitor, a operacionalização desta tal força-tarefa. Disse também que vai assinar um decreto para equiparar o salário dos policiais militares, o que seria ilegal (já que a matéria só pode ser alterada por meio de projeto aprovado na Assembleia Legislativa). 

Ainda na Segurança, o senador prometeu parcerias com o governo federal. Longe de ser uma ideia inovadora: a integração entre serviços de inteligência é gradual e já está em curso há décadas. 

Na Saúde, a promessa de Caiado é regionalizar o atendimento. Algo que além de vago já está em execução por parte do governo, com o recém-inaugurado Hospital do Norte, os Credeqs, a rede USE e outros pontos de atenção à saúde inaugurados.

Na Educação, Caiado diz que vai melhorar o Ideb de Goiás, mesmo sabendo que o Estado já está no topo do ranking do Ideb. Promete também “melhorar as escolas para receber os alunos”, o que é vazio.