Motorista de Jayme Rincón, preso na operação Cash Delivery, consegue habeas corpus

No fim da noite da última quinta-feira, o policial militar Márcio Garcia, motorista do presidente da Agência Goiana de Transportes e Obras Públicas (Agetop), Jayme Rincón, conseguiu habeas corpus da Justiça e foi liberado da cadeia. 

Márcio havia sido preso no âmbito da operação Cash Delivery, a mesma que levou o ex-governador Marconi Perillo (PSDB) à carceragem da Polícia Federal. Com o HC concedido a Márcio, Marconi passa a ser o único investigado da Cash Delivery que ainda segue privado de sua liberdade. 

Compartilhe