Alfinetada de Maguito em Iris é prenúncio de guerra pelo comando do MDB em 2019

A entrevista de Maguito Vilela a Jackson Abrão nesta segunda-feira, com alfinetadas ao prefeito de Goiânia, Iris Rezende, é prenúncio da guerra entre os dois ex-governadores pelo comando do MDB estadual. A eleição que vai escolher o próximo presidente do partido acontece em fevereiro. Maguito quer manter lá o seu filho, deputado Daniel Vilela.

Na entrevista, Maguito creditou o mau desempenho do MDB na eleição ao período de purificação que a legenda enfrenta. “O MDB ainda passa por um período de transição da política mais antiga para a mais nova. Todos os candidatos do MDB foram candidatos novos. É um processo de renovação que demora para estabilizar”.

Quem conhece Iris sabe que ele não vai aceitar a provocação. 

Compartilhe