Tungada anunciada 1: Em reunião com deputados, Caiado confirma que vai reduzir incentivos fiscais

No encontro com os deputados estaduais no final da tarde desta quarta-feira, o senador e governador eleito Ronaldo Caiado (DEM) confirmou que está determinado a reduzir os incentivos fiscais concedidos ao setor produtivo do Estado por meio do Produzir. Caiado afirmou que está dialogando com o setor empresarial e contou duas histórias da carochinha: a de que o corte de benefícios não vai resultar na saída de empresas do Estado e que o governador eleito do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (PMDB), não vai levar adiante a guerra fiscal com o Goiás.

Os deputados, claro, não acreditaram nas balelas do governador eleito. Segundo parlamentares ouvidos pelo blog, a maior preocupação dos deputados foi o revelador total desconhecimento de Caiado sobre o tema. A legislação dos incentivos é extensa e complexa, mas como parlamentar há quase 30 anos, o governador deveria ter domínio apenas mediano das regras. “Caiado não sabe nada sobre os incentivos”, disse um dos participantes.

No encontro com os deputados estaduais, o governador eleito também insistiu em derrubar o Orçamento Impositivo, que determina a obrigatoriedade de o Executivo pagar a integralidade das emendas parlamentares. Para quem afirma que tem pela frente uma pauta extensa para enviar para a Assembleia Legislativa, Caiado abriu precedente para negociações cruzadas envolvendo incentivos e orçamento impositivo. Uma pauta bomba.