Nova Câmara: bloco de vereadores defende Legislativo mais independente do Paço, afirma Opção

As articulações do Grupo dos 21 para eleger o próximo presidente da Câmara de Goiânia são destaque da edição desta semana do Jornal Opção, que analisa e conta os bastidores da atuação do bloco de vereadores. “Defendem uma Casa mais independente do Paço” e “acabaram levando a melhor (no debate sobre a antecipação da escolha do novo presidente) e a eleição para a mesa diretora está marcada para 4 de dezembro, com decisão já promulgada pelo presidente Andrey Azeredo (MDB)”, relata o Opção.

Segundo o jornal, o Grupo dos 21 vereadores se fortaleceu como resultado do alinhamento automático de Andrey Azeredo ao Paço Municipal. Os vereadores reclamam da falta de autonomia do Legislativo, das constantes pressões do prefeito Iris Rezende (MDB) e da falta de diálogo entre os Poderes, resultado do estilo de Andrey de administrar.

“O próprio Andrey Azeredo pode se candidatar à reeleição. Até o momento, ele não confirma se enfrentará ou não a disputa. Impopular e considerado como arbitrário, poucos acreditam que Andrey pudesse sair vitorioso da competição”, afirma o Opção.