Servidores gritam “governador caloteiro, pague o meu dinheiro” a poucos metros de Caiado

Está no fim a paciência dos servidores públicos de Goiás, que não receberam até hoje o salário de dezembro. A categoria está reunida em assembleia neste momento, na porta do Palácio Pedro Ludovico Teixeira (ou seja: a poucos metros do gabinete do governador Ronaldo Caiado) e gritam palavras de ordem duras. A principal delas é: “governador caloteiro, pague o meu dinheiro”.