(Tempo real) Nova Câmara: líder do prefeito é derrotado ao pedir vistas do projeto da reforma administrativa, que avança

O vereador Tiãzinho Porto (PROS) foi derrotado nesta terça-feira (12/2) na votação do pedido de vistas do projeto de lei da reforma administrativa apresentado pela mesa diretora da nova Câmara de Goiânia. Tiãozinho pediu vistas para tentar obstruir a tramitação do texto, que propõe reforço na estrutura jurídica da Casa, como parte das medidas para tornar o Legislativo mais independente e autônomo em relação ao Paço Municipal.

À exceção de Andrey Azeredo (MDB) e Oséias Varão (PSB), todos os demais vereadores presentes em plenário rejeitaram o pedido de vistas de Tiãozinho Porto. São justamente esses três vereadores os maiores e mais ferozes pitbulls do prefeito Iris Rezende na Câmara de Goiânia. Andrey, Oséas e Tiãozinho não querem a reforma porque ele vai fortalecer o Legislativo.

O que eles querem, claro, é que a Casa fique sob as ordens do prefeito.