Cristiane Schmidt comprova fama de encrenqueira e agora arruma crise na própria Sefaz

A secretária Cristiane Schmidt só arrumou crise desde que desembarcou em Goiás, com seu sotaque carioca. Depois de dar declarações agressivas contra servidores e ir para a geladeira, sumindo dos holofotes por algumas semanas, Cristiane voltou a aprontar. A jornalista Fabiana Pulcineli noticiou em seu blog que Cristiane trocou, de uma só vez, cinco superintendentes da Sefaz, que são auditores fiscais e servidores de carreira.

A mexida abriu uma crise na Sefaz porque ficou caracterizada como perseguição política.