Funcionário da antiga Agetop diz que servidores estão de pernas pro ar na empresa enquanto rodovias são interditadas

Um funcionário da Goinfra, antiga Agetop, disse à rádio CBN que ele e outros cerca de 80 servidores – entre engenheiros e equipes de manutenção – estão de pernas para o ar na empresa. Na reportagem, ele diz que a atual gestão mandou-os ficarem à toa no pátio enquanto rodovias são interditadas por falta de condições de trafegabilidade.

A Goinfra, ao que tudo indica, está ajudando o governador Caiado a construir o discurso de terra arrasada.