Agora, governo Caiado diz que Jovem Cidadão não será extinto e prepara nova licitação

Depois da péssima repercussão do fim do histórico programa Jovem Cidadão, o governo Caiado apareceu dizendo que será feita apenas uma nova licitação.

Veja abaixo a nota da Secretaria Cidadã:

Em conformidade com parecer da Controladoria-Geral do Estado de Goiás (CGE-GO) e Procuradoria-Geral do Estado FC (PGE-GO), a Secretaria de Desenvolvimento Social realizará nova licitação para a operacionalização do programa Jovem Cidadão.

“Ao tomar conhecimento do posicionamento da PGE e da CGE, decidimos por uma nova licitação dentro dos dispositivos legais que regem a administração pública e também em consonância com a política de transparência determinada pelo Governo de Goiás”, sustenta Marcos Cabral.

O edital de licitação está em fase de finalização e será lançado nos próximos dias. A modalidade de pregão eletrônico não apenas permite maior celeridade no processo de licitação, como garante plena transparência e ampla participação de interessados.

Portanto, ao contrário do que circula nas redes sociais, o programa Jovem Cidadão não será descontinuado, mas reformulado, de modo a garantir a máxima lisura e o melhor retorno à sociedade. O programa atende 5 mil jovens em todo o estado – sendo 10% das vagas destinadas às pessoas com deficiência (PCDs).

Em breve terá início o recadastramento dos jovens beneficiados. Este compromisso com a área social, aliás, é uma preocupação histórica do governador Ronaldo Caiado e será cumprido pelo secretário de Desenvolvimento Social, Marcos Cabral.