Com projeto que estabelece critérios para remoção de policiais, Tião Caroço mostra a Caiado como se faz um governo de fato técnico

À medida em que o tempo passa, fica mais claro que o tal “governo técnico” que Ronaldo Caiado (DEM) prometeu que faria é balela, só embromação.

A demissão e transferência de servidores, a perseguição a efetivos nomeados em cargos de chefia nas gestões do PSDB e a remoção sem justificativa de policiais militares deixa claro que o critério de Caiado nas decisões de governo é somente político.

O deputado estadual Tião Caroço, do PSDB, está dando uma demonstração para o governador do que de fato é promover uma gestão técnica: está propondo um projeto de lei para disciplinar a remoção de policiais, criando regras para o deslocamento dos integrantes da corporação ao redor do território.