Vanderlan se consolida como o senador dos assuntos aleatórios e sem pauta de Goiás

No tiroteio político do baixo clero pelos holofotes da imprensa no Senado, ninguém atira para mais lados do que Vanderlan Cardoso (PP). Sem agenda real, sem foco e sem espaço nas altas rodas de Brasília, o pepista se consolida como o senador dos assuntos aleatórios.

Tudo isso sempre com uma dose cavalar de obviedades. A última de Vanderlan foi uma visita ao embaixador da Argentina no Brasil, Carlos Magariño, para defender uma aproximação entre os países vizinhos nas áreas comercial e de inovação tecnológica.

“Debati com o embaixador que é necessária a expansão comercial entre nossos países na área de inovação tecnológica aplicada aos mais setores, como a pecuária, o agronegócio, a indústria e os manufaturados”, afirmou a assessoria de Vanderlan, na mais genérica entre as mais genéricas frases fakes do economês.

É o fim da picada.