Retrocesso: em vez de ampliar, Caiado quer acabar com passe livre estudantil

Como o G24H noticiou com exclusividade,  Caiado deve enviar à Assembleia Legislativa nos próximos o projeto de lei reduzindo o alcance do passe livre estudantil.

O governo gastou em março R$ 7,640 milhões com o programa para atender mais de 100 mil estudantes. O governo quer excluir dos beneficiários quem tem poder aquisitivo alto.

Dia 29 termina o recadastramento, iniciado dia 18, dos estudantes interessados no passe. O governo vai selecionar os beneficiários pelo perfil social. “O Estado gasta R$ 9 milhões com a Bolsa Universitária e quase o mesmo valor com o passe livre estudantil”, disse o deputado Bruno Peixoto

Que retrocesso!