Doria manda leiloar mais de 1.200 imóveis que só servem para dar despesas

O governo de São Paulo prepara para as próximas semanas um mega leilão que promete movimentar a economia, oferecer oportunidades de investimento e reforçar o caixa do Estado. São mais de 1.200 imóveis de todos os tipos; prédios comerciais, residenciais, terrenos. João Dória (PSDB) estima que serão arrecadados R$2 bilhões com a venda dos imóveis que, segundo ele, “não servem para absolutamente nada”. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Os mais de 1.200 imóveis que irão a leilão em São Paulo sangram os cofres públicos com manutenção, impostos, taxas de condomínio etc.

Os recursos da venda dos imóveis, somados àqueles economizados para mantê-los, podem ser investidos em educação e saúde.