URGENTE Rio Verde: vereadores denunciam condições precárias de escola e cobram providências do prefeito Paulo do Vale

Os vereadores Elvis, Lúcia Batista e Manoel Pereira denunciam o descaso do prefeito Paulo do Vale com a educação em Rio Verde, um dos municípios mais ricos de Goiás, com arrecadação mensal de mais de R$ 70 milhões.

Os três mosqueteiros da comunidade local matam a cobra e mostram o porrete: na visita que fizeram a uma escola municipal no distrito de Lagoa do Bauzinho, eles se depararam com uma verdadeira calamidade e registraram com fotos portas quebradas, banheiros danificados, instalações elétricas precárias, muros em ruína, dentre outros problemas.

Enfim, um abandono total que revela falta de manutenção e investimentos, atestando definitivamente que educação não é prioridade  na gestão de Paulo do Vale.

“A educação é a base da sociedade, mais os gestores de Rio Verde não têm se preocupado em alicerçar o futuro de nossas crianças em terreno sólido”, assinala o vereador Manoel Pereira.

O vereador Elvis disse que espera que o prefeito Paulo do Vale se sensibilize e olhe pela escola municipal da lagoa do Bauzinho.

“Em 2018 tivemos escolas fechadas  e agora vemos escola depredadas. Cadê o prefeito e o secretário da Educação de Rio Verde?”, revolta-se a vereadora Lúcia Batista.