Complicou: na crise da Assembleia, Caiado vai ter de escolher entre ouvir Gracinha ou atender os deputados

Caiado está numa encruzilhada difícil de escolher qual caminho adotar. Na crise da Assembleia, a queda de braço é entre Gracinha e os deputados. A primeira-dama discorda do atendimento das demandas dos parlamentares, acusados por ela de representar a “velha política”. O governador vai ter de optar por ouvir a mulher ou atender a bancada. Seja qual for a decisão, o estrago será grande.