Caiado mantém tortura ao servidor e não divulga cronograma de pagamento de abril

Desde que assumiu o governo em janeiro passado, Caiado mantém o servidor público estadual sob estado de tortura psicológica permanente, com notícias desencontradas e total insegurança sobre o pagamento da folha salarial. Agora em abril, a insegurança permanece. O governo não divulgou o cronograma de liberação dos salários e ninguém sabe quando vai receber.
Um drama sem fim.