Frio e insensível, Caiado vai sacrificar servidor para conseguir dinheiro para o governo

Para arrumar dinheiro para viabilizar o governo, Caiado já decidiu: vai sacrificar o servidor público, aprofundando os ajustes e fazendo a categoria a apertar ainda mais o cinto. O governador não vai hesitar em decretar novos pacotes de maldades contra o funcionalismo. Entre as medidas, corte de direitos e até demissões. A perseguição vai continuar e o servidor vai pagar a conta da crise fiscal.