Bomba: Caiado exclui 62 mil estudantes goianos do Passe Livre Estudantil

Veja matéria publicada pelo Blog do Altair Tavares

O governo Ronaldo Caiado (DEM) encaminhou projeto de Lei para a Assembleia Legislativa no qual altera o programa Passe Livre Estudantil com novos critérios para reduzir despesas e, consequentemente, retira 62.418 estudantes do atendimento para o transporte.

Na justificativa do projeto, o governador detalha que o programa atende 85.075 estudantes e que passará a contemplar 22.657 em Goiânia e região metropolitana, Anápolis e Rio Verde.

O objetivo é reduzir a despesa de R$ 80 milhões para R$39.876,320,00.

CRITÉRIOS

Segundo o projeto, se for aprovado pelos deputados, só serão atendidos os estudantes da rede pública de ensino, das escolas comunitárias, confessionais ou filantrópicas, bem como os que têm bolsa integral e estão matriculados em escolas particulares.

Em síntese, o novo programa tira todos os estudantes de escolas privadas do atendimento do passe livre.

Outro critério é a comprovação de renda familiar de até 3 salários mínimos e ser beneficiário direto ou indireto de programa social governamental de erradicação da pobreza.